Nebulosas de Sagitário

Essas três nebulosas brilhantes são frequentemente mostradas em circuitos telescópicos da constelação de Sagitário e dos campos lotados da Via Láctea central.

De fato, o turista cósmico do século XVIII Charles Messier catalogou dois deles; M8, a grande nebulosa à esquerda do centro e a colorida M20 no canto superior esquerdo. A terceira região de emissão inclui NGC 6559 e pode ser encontrada à direita de M8. Todos os três são berçários estelares a cerca de cinco mil anos-luz ou mais.

Com mais de cem anos-luz de diâmetro, o expansivo M8 também é conhecido como a Nebulosa da Lagoa. O apelido popular de M20 é o Trifid.

O gás hidrogênio incandescente cria a cor vermelha dominante das nebulosas de emissão. Em contraste marcante, tons de azul no Trifid são devido a poeira refletida a luz das estrelas. Estrelas azuis brilhantes recentemente formadas são visíveis nas proximidades.

O colorido skyscape composto foi gravado em 2018 no Parque Nacional de Teide nas Ilhas Canárias, Espanha.

Crédito de imagem e direitos autorais: Emilio Rivero Padilla

(NASA)

 Texto: Júlia Machado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Click to listen highlighted text!